Skip to main content
estudando inglês online

Mais de 200 mil alunos estão estudando inglês online com a gente!

É hora de comemorar! O SEDA College Online, chegou – e já ultrapassou – a maca de 200 mil alunos matriculados! É isso mesmo, já são 223 mil estudantes de países como Brasil, Chile, Venezuela, Mexico, Itália, Portugal, Moçambique, Algeria, Honduras, Guatemala e El Salvador estudando inglês online com a gente!

Pra quem ainda não conhece o SEDA College Online, o site é administrado pela SEDA College e qualquer pessoa pode entrar e se cadastrar sem custo algum (não precisa ser aluno da instituição). A plataforma possibilita a auto-organização dos estudos no ritmo do aluno e de acordo com o seu nível de proficiência no idioma, atendendo desde os níveis iniciantes até os mais avançados.


LEIA TAMBÉM: SEDA College recebe o título de melhor escola de idiomas da Irlanda pelo terceiro ano consecutivo

Atualmente, o aluno pode ver aulas do curso de Inglês, dicas úteis de inglês, preparação para IELTS, aulas no tema de Business (Negócios), focadas em processo de vendas, Linkedin, introdução para Digital Marketing e Pequenos Negócios entre outros. Recentemente, o SEDA College Online lançou também o curso Espanhol, para quem também tem interesse no idioma.

Além disso, ao final de cada módulo ou curso, o aluno receberá um certificado online comprovando sua proficiência no material estudado. Bacana não?

Então, se você ainda não se inscreveu, é só acessar http://www.sedacollegeonline.com/.

E se você começou a estudar inglês online e está precisando de dicas sobre como se organizar, confira o vídeo que fizemos com o professor Adam Woods. Ele ministra aulas presenciais na SEDA College em Dublin, e também é o professor no SEDA College Online.

Compartilhar:
Curso de Espanhol

SEDA College Online lança curso de Espanhol 100% gratuito

Com mais de 100 mil alunos matriculados, a nossa plataforma de ensino de inglês online já é um sucesso, e agora, o SEDA College Online tem uma novidade: acabamos de lançar o curso de Espanhol para incitantes!

Ao total, o primeiro e segundo módulos do curso Spanish para Beginners contará com 28 vídeos. Lembrando, que todo o conteúdo do SEDA College Online é gratuito!


LEIA TAMBÉM: SEDA College recebe o título de melhor escola de idiomas da Irlanda pelo terceiro ano consecutivo

O SEDA College Online também possui o curso de General English no nível Beginner, dicas úteis de inglês, preparação para IELTS e também algumas aulas no tema de Business (Negócios), focadas em processo de vendas, LinkedIn, introdução para Digital Marketing e Pequenos Negócios entre outros.

Acesse http://www.sedacollegeonline.com/ e inscreva-se!

Compartilhar:
Aula Cambridge SEDA College

Como funcionam os exames de Cambridge

Os exames de Cambridge são uma forma oficial de certificar em qual nível de conhecimento da língua inglesa o estudante se encontra, com base em seus conhecimentos linguísticos, sua fluência, vocabulário, além da experiência e foco na hora de resolver as questões.

Todos os exames são organizados com base no CEFR – Common European Framework of Reference e possuem uma escala de pontuação bem específica, que fornece relatórios mais objetivos, atendendo melhor a determinado perfil de estudante, que normalmente busca uma vaga em universidades internacionais, ou deseja dar aulas de inglês, ou se candidatar a um emprego no exterior.

O exame possui níveis diferentes de dificuldade, de acordo com o volume de conhecimento do estudante.

Cambridge English Young Learners (YLE) – exames para crianças entre 07 e 12 anos. São oferecidos em três níveis: Starters, Movers e Flyers. Os exames são especialmente elaborados para crianças, que recebem certificados e são incentivadas a continuar seus estudos do idioma. Não há reprovação.

Cambridge English Key (KET) – exame de nível elementar (A2), para adolescentes e adultos. Mede a capacidade de comunicação em situações rotineiras. O candidato deverá ter entre 180 e 200 horas de estudo da língua inglesa.

Cambridge English Preliminary (PET) – exame de nível intermediário (B1), avalia a comunicação em situações sociais ou de trabalho. O candidato deve ter uma média de 375 horas de estudos do idioma.

Cambridge English First (FCE) – prova de nível intermediário superior (B2), avalia a capacidade do candidato ao interagir em diferentes situações do cotidiano. Esse certificado é uma das mais confiáveis provas de habilidade linguística.

Cambridge English Advanced (CAE) – exame de nível avançado (C1), onde é avaliado o desempenho do aluno em situações rotineiras e mais elaboradas que do último nível. É um exame reconhecido por mais de 3.000 instituições educacionais, empresas e agências governamentais.

Cambridge English Proficiency (CPE) – prova de nível avançado (C2). Reconhecido por instituições internacionais como sendo a mais alta qualificação em língua inglesa.

Cambridge English Business (BEC) – exame que avalia a habilidade de utilização do idioma em ambiente profissional. É oferecido em 3 níveis: Preliminary (B1), Vantage (B2) e Higher (C1).

Teaching Knowledge Test (TKT) – avalia o conhecimento profissional de professores. As áreas testadas emvolvem o conhecimento da língua inglesa e seu aspecto pedagógico.

Business Language Testing Service (BULATS) – forma de avaliação linguística específica para empresas, companhias e organizações.

International English Language Testing System (IELTS) – exame aberto a pessoas com diferentes níveis de proficiência em inglês. É exigido por universidades e instituições internacionais, para fins de cursos de pós-graduação e também imigração.

Os resultados dos exames de Cambridge são mais detalhados, e os candidatos recebem uma nota para cada habilidade: leitura, escrita, compreensão auditiva, expressão oral e use of english. Uma nota geral também é atribuída.


LEIA TAMBÉM: 7 motivos pelos quais você deve estudar na Irlanda

Portanto, os resultados apresentados na escala mostram claramente o progresso do aluno de um exame para outro. Aquele que tiver segurança e o conhecimento suficiente, se desejar, pode começar pelo FCE ou CPE, sem percorrer todo o caminho, desde o início.

O mais importante antes de prestar o exame, é estudar como a prova é feita, quais assuntos costumam cair e estudar bastante. Os exames de Cambridge não são gratuitos, são caros, por isso, é importante que se preste o exame com segurança.

Lembre-se que os exames de proficiência são a melhor maneira de atestar o conhecimento no idioma inglês. Sem eles, por mais que o estudante seja aplicado, não é admitido em universidades internacionais, nem consegue a chance de iniciar uma carreira profissional em outro país.

Compartilhar:
Sala de aula SEDA College

5 coisas que seu professor de Inglês adoraria que você soubesse

Aprender inglês não é fácil e isso não é novidade para ninguém! Apesar de importante, a segunda língua mais falada no mundo é muitas vezes um grande desafio para boa parte dos estudantes que tentam aprender o idioma diariamente, seja online, no Brasil ou até mesmo morando em um outro país.

Antes de mais nada, deixemos claro um negocinho aqui que li lá no Blog da Savana:

Existem quatro níveis de inglês

a) O que você acha que fala
b) O que sua mãe acha que você fala
c) O que as pessoas acham que você fala (e isso está diretamente ligado com o quanto elas acham que falam)
d) O que você realmente fala

Eaí, só verdades não é mesmo?

Pensando justamente nessas dificuldades e nas pessoas que – erroneamente – acham que jamais aprenderão a falar inglês, conversamos com alguns professores da nossa escola e eles deram algumas dicas para vocês turbinarem o aprendizado do seu inglês.


LEIA TAMBÉM: Dicas para morar na Irlanda pela primeira vez

Confere só:

1 – INGLÊS NÃO SE APRENDE SÓ COM GRAMÁTICA

Focar principalmente em gramática é um dos erros das escolas públicas e até de muitos cursos particulares de inglês no Brasil. “Eu diria que gramática é o forte dos brasileiros, porque é o que mais aprendem nas escolas. “Muitos estudantes alcançam nível pré-intermediário nos testes de nivelamento, mas quando fazem a prova oral e precisam estabelecer comunicação através da fala, percebemos o quanto o nível educacional do Brasil precisa melhorar”, avalia Sônia, uma das professoras da grade da SEDA College. A gramática é uma parte muito importante do aprendizado, mas é preciso ter um equilíbrio entre todas as habilidades com a língua – saber falar, ouvir, ler, escrever e, principalmente, compreender as mensagens.

Inglês

2 – APRENDA A USAR PREPOSIÇÕES

Existem inúmeras regras para justificar o uso de cada preposição na língua inglesa. São tantas que até mesmo nativos têm dificuldades de justificar o porquê do uso de uma determinada preposição ao invés de outra. As preposições to e for, por exemplo, causam muita confusão, pois sempre existe exceção à regra. De maneira geral, pode-se dizer que a preposição to está ligada à ideia de direção ou movimento, muitas vezes equivalente à preposição a ou para. Enquanto for está relacionada à ideia de benefício, substituição, intenção ou predestinação, como o por ou para. “A dica é ouvir bastante as pessoas falarem a assistir filmes e séries de qualidade, assim, treinando a habilidade de ouvir, o estudante ganha confiança e aprende a usar as preposições naturalmente. É importante saber que inglês aprende-se aos poucos, não existe segredo para aprender tudo de uma única vez”, reforça a professora.

Regras inglês
3 – NÃO TRANSFIRA SEU SOTAQUE PARA O INGLÊS

No português, a maioria das palavras termina em vogal e, mesmo quando terminada em consoante, a letra deixa de ser pronunciada em muitas regiões do país (como acontece com a letra r). É importante lembrar que, no inglês, a fonética tem regras diferentes e o som das letras mudam. Jamais deve-se colocar o som de vogal no fim de uma palavra terminada em consoante (como Facebooki, worki, interneti etc.) – isso pode comprometer a transmissão da mensagem em uma conversa.


LEIA TAMBÉM: Paulo Barros do maior canal de inglês do Youtube brasileiro visitará a SEDA College

A sílaba tônica também deve ser foco de atenção, pois pode mudar a palavra (no inglês, verbos e substantivos podem ser diferenciados simplesmente pela sílaba tônica). Ao estudar inglês, esteja aberto ao novo e fique atento aos falsos cognatos – palavras com grafia parecida e sentido completamente diferente (como pretend, que significa “fingir” e não “pretender”).

4 – APOSTE NA IMERSÃO CULTURAL PARA APRENDER O IDIOMA

Explorar uma língua por meio da cultura é a melhor forma de aprender – essa é uma das vantagens do intercâmbio. Quando se observa a aplicação de palavras no dia a dia, o jeito como ela é pronunciada pelos nativos, a entonação e o contexto em que são usadas compreende-se facilmente porque são escolhidas em cada situação. A observação e exposição ao idioma contribuem para que o cérebro faça essas associações. Isso também é possível para quem decide estudar sem sair para um temporada no exterior, mas é preciso ler em inglês, assistir a filmes, participar de fóruns e atividades que promovam o contato constante com o idioma com pessoas de diferentes nacionalidades.

Irlandeses


LEIA TAMBÉM: Curso de inglês em Dublin vale a pena?

5 – USE AS AULAS APENAS COMO COMPLEMENTO

No Brasil, os estudantes dedicam-se cerca de duas horas por semana ao inglês e não buscam outras formas de ter contato com o idioma. Por mais que isso aconteça duas vezes na semana, não é suficiente para um aprendizado eficiente ou rápido. Já os intercambistas, embora possam estar mais expostos ao inglês, insistem em se comunicar em sua língua nativa com outros brasileiros no exterior.

Mesmo no intercâmbio, com 15 horas semanais de curso, a sala de aula representa apenas 20% do aprendizado. “Como as relações acontecem de forma mais fácil com conterrâneos, os alunos acabam frequentando festas brasileiras com brasileiros, almoçando comida brasileira, falando português e fazendo tudo o que faziam no Brasil. A maioria não vive a cultura local, não pratica o idioma como deveria. E esquece que o segredo para um bom aprendizado é aplicar o que se aprende de forma imediata e constante”, analisa Sônia. As aulas devem ser um complemento para tirar dúvidas e ter acesso a novos tópicos de estudo, mas não podem ser a única fonte de aprendizado.

Tem mais uma que nossos professores não disseram mas eu gostaria de complementar: inglês não se aprende por osmose. Parte do aprendizado de uma nova língua vem do esforço individual fora da sala de aula, por isso, sabe aquele filme legendado em português que você gosta de assistir? Porque não colocar em inglês?

Gosta de podcasts? Porque não começar a escutar alguns em inglês?

São poucas coisas, mas tenho certeza que esses pequenos gestos te ajudarão nessa.

Compartilhar:
Aprender inglês em menos tempo

Como organizar horários para aprender Inglês em menos tempo

Sabemos que o aprendizado do idioma inglês depende muito da dedicação e persistência do aluno; é uma conquista pessoal, mas todos sonham em achar a fórmula para aprender inglês em menos tempo. Se o estudante souber organizar seus horários, ocupando seu tempo com atividades diversificadas que insiram o idioma no dia-a- dia, o resultado será alcançado rapidamente.


LEIA TAMBÉM: Dicas para não sofrer tanto com o sotaque irlandês

Por isso, existem algumas rotinas incorporadas ao intercâmbio que podem acelerar o aprendizado e ainda divertir o aluno:

  • No horário em que acordar, sintonize na rádio local. Dublin possui estações para todos os gostos musicais, além de estações de notícias. Enquanto prepara o café, toma banho, escova os dentes e se veste para sair de casa, preste atenção no locutor. Nada mais adequado para compreender o sotaque, aprender novas palavras, entender o emprego de gírias.
  • Quando estiver indo para as aulas, escute suas músicas prediletas em inglês enquanto caminha, pedala ou pega o transporte. Muitas vezes cantamos sem prestar atenção na letra, na entonação, no significado das palavras. Para a música ser útil ao aprendizado do idioma, ela deve ser ouvida e compreendida.
  • No horário após as aulas, faça exercícios relacionados à matéria que acabou de aprender.
  • Depois de ter uma aula de inglês, reveja suas anotações, resolva exercícios relacionados, leia em voz alta para aprimorar sua pronúncia.
  • Quando fizer uma pausa para almoçar ou lanchar, escute podcasts em inglês. Você estará adquirindo conhecimento em áreas diversas e ainda treinando sua audição e compreensão da língua.
  • Ao fazer passeios nas horas do intervalo, procure manter conversas não apenas com os colegas, mas com os moradores locais. Vá até um pub, uma confeitaria, arrisque seu conhecimento no idioma e inicie um diálogo, faça pedidos, pergunte sobre os produtos, peça uma sugestão.
  • Quando estiver no emprego ou estágio, não tenha medo em conversar com seus colegas.
  • Busque atender a todos com atenção e se não compreender alguma palavra, peça para repetirem. Não é vergonha alguma, os locais de Dublin estão acostumados a lidar com estrangeiros.
  • No horário de descanso, depois das aulas e do trabalho, assista a filmes ou às suas séries preferidas em inglês. Comece prestando atenção aos diálogos, acompanhando a legenda com atenção. Depois, assista diversas vezes sem tradução alguma. Aos poucos seu ouvido se acostuma e o entendimento surge naturalmente.

Adquirindo esses hábitos, organizando seus horários e incorporando o idioma inglês à sua rotina, você estará praticando a língua em todos os momentos do intercâmbio, fazendo com que o aprendizado seja mais rápido e efetivo.

Compartilhar:
Dicas para aprender inglês online

5 dicas pra aprender Inglês online

Você quer aprender estudando Inglês online, mas não sabe por onde começar? Calma, você não está sozinho! Muitas pessoas começam a estudar por conta própria, mas depois acabam desistindo por ficarem perdidas ao longo do caminho. Os motivos? Podem ser muitos, desde falta de organização até falta de disciplina.

Foi pensando nisso, que a SEDA College lançou uma plataforma voltada especialmente para o ensino do Inglês online. A ferramenta é gratuita e já está disponível para estudantes praticarem e exercitarem a nova língua.

Até o momento, o modo Begginer está no ar, mas também estão disponíveis aulas sobre vendas, dicas de inglês e até sobre o Linkedin. Bacana, não? É só acessar sedacollegeonline.com e começar a aprender.

E com o lançamento do SEDA Online, nossa aluna Gabrielle Figueiredo convidou o Adam, professor do primeiro modo do curso, para dar algumas dicas importantes para quem está estudando Inglês online. Confira o vídeo:

Compartilhar:
English

A importância do Inglês para sua carreira profissional

Falar um segundo idioma é primordial para o mercado de trabalho atual. Um profissional que saiba além da sua língua materna é sempre um enorme diferencial, entenda a importância do Inglês para sua carreira profissional.

A fluência no inglês é competência indispensável para ser um profissional mais capacitado, completo. O idioma é o mais falado no mundo e tornou-se essencial para quem deseja ingressar no mercado de trabalho ou melhorar suas perspectivas.

A importância do Inglês para todas as áreas de negócios

Termos e expressões do idioma inglês são constantemente utilizados e se tornaram essenciais para a comunicação entre as organizações e seus colaboradores. Não conhecer o significado desses termos pode resultar em mal entendidos nas negociações.


LEIA TAMBÉM: 5 séries e documentários para intercambistas

Melhores salários

Os profissionais que tem fluência no idioma conseguem salários até 70% maiores que aqueles que não falam ou falam pouco. Quanto maior o nível hierárquico do profissional, maior a exigência do inglês.

Contato com novas culturas por meio do inglês

Para aqueles que realmente desejam aprender o idioma com fluência, o ideal é fazer um intercâmbio. O contato com outras culturas, pessoas e idiomas expande os conhecimentos, transforma a maneira de pensar, os pontos de vista. É um ganho para todas as áreas de vida.

Importância do inglês

Desafios culturais e linguísticos

Existe uma preocupação com relação à qualidade do aprendizado do inglês quando professores e alunos estão envolvidos com um idioma não nativo. No caso do intercâmbio, o aluno está constantemente exposto ao idioma na origem, interagindo com estrangeiros, precisando expandir seus conhecimentos para que possa se expressar corretamente.

Relação entre tempo e aprendizado

Muitos profissionais que planejam ingressar em um curso de inglês para aprender o idioma ou aperfeiçoar os conhecimentos que já possui, não conseguem conciliar o trabalho com o estudo. Muitos cursos de idiomas têm uma carga horária extensa e exigem muita dedicação de seus alunos. O intercâmbio é a solução ideal para esses profissionais, pois expõe o aluno à língua inglesa por tempo reduzido e ideal para o aprendizado sólido da língua.

Compartilhar:
Vista interna SEDA College

SEDA College recebe o título de melhor escola de idiomas da Irlanda pelo terceiro ano consecutivo

Pelo terceiro ano consecutivo, a SEDA College foi premiada com os títulos de “Melhor escola de idiomas de Dublin” e “Melhor escola de Idiomas da Irlanda”, referentes ao período de 2016. A premiação veio através do site Education Stars, uma agência independente com sede na Suíça, que permite que os alunos avaliem as instituições de ensino em diferentes aspectos, abrangendo desde o setor acadêmico e corpo docente até suporte e estrutura.

O prêmio, concedido a partir das opiniões de estudantes, busca reconhecer as instituições mais comprometidas com a qualidade de ensino e satisfação do consumidor. “Receber o prêmio pela terceira vez só reafirma a qualidade de ensino e a satisfação dos alunos da SEDA”, pontua o diretor de marketing Tiago Mascarenhas, referindo-se ao fato do reconhecimento ser baseado unicamente nas experiências dos alunos.

Comemoração SEDA College

A página traz 179 avaliações de alunos e ex-alunos e 100% deles recomendariam a escola para amigos. A escola foi classificada como “excelente” por 135 estudantes, enquanto 25 definiram a SEDA como “muito boa”. O índice qualidade e satisfação atinge 92.8%, pontuação que classifica a escola na categoria “qualidade superior”.

“No começo pensei que a SEDA era mais uma dentre todas as escolas de inglês, mas ao ver o quão didáticos e interativos eles são, mudei de opinião. Se me pedissem uma recomendação, recomendaria a SEDA”, declara o estudante panamenho Isaac Sanchez. Já a brasileira Sandra Anjos define sua experiência na SEDA como sua melhor escolha. “Eu fico feliz por ter tido a oportunidade de estudar lá. Quero voltar e retomar os estudos”, afirma.

Alunos SEDA College

 Sobre a SEDA College – A escola é uma das nove instituições da Irlanda certificadas com o selo EAQUALS (Evaluation & Accreditation of Quality Language Schools), marca de qualidade de maior prestígio da Europa no ensino de idiomas. A SEDA College também é certificada pela acreditação irlandesa ACELS e pelo ISO 9001, selo de qualidade que atesta que a escola adota um sistema de gestão da qualidade focado em gerenciar as necessidades e expectativas dos estudantes, garantindo a sua máxima satisfação. A SEDA College também faz parte do ILEP (Interim List of Elegible Programes), lista de escolas de inglês aptas a receber estudantes vindos de fora da União Europeia.

Em 2016, a SEDA College ofereceu mais de 580 horas de atividades extra-curriculares gratuitas para alunos da SEDA e estudantes externos, dentre elas: Workshop de preparação para entrevistas de trabalho, consultoria para elaboração de currículo e carta de apresentação, aulas extras de gramática e conversação, trabalho voluntário, dentre outras. Os alunos SEDA também têm acesso ao exclusivo Programa de Estágio, cuja parceria com mais de 50 empresas irlandesas representa a porta de entrada no mercado de trabalho no exterior para muitos estudantes.

SEDA College

Atualmente, a SEDA College ocupa uma área de 14 mil m² na Capel Street, centro da capital Irlandesa, e conta com centenas de alunos oriundos de diversos países da América Latina, Europa e Ásia.

Compartilhar:
SEDA College Online

SEDA College lança plataforma gratuita para aprendizado de idiomas

A SEDA College, escola que atua há mais de 8 anos na capital irlandesa com foco no ensino da língua inglesa para estrangeiros e foi premiada como melhor escola de idiomas da Irlanda pelo terceiro ano consecutivo, lançou na última semana sua plataforma gratuita que tem a missão de levar fácil acesso a novos idiomas para pessoas do mundo todo de forma online, levando acessibilidade e educação a todos que não tem condições de largar tudo para fazer um intercâmbio ou pagar por aulas particulares.

Apoiando-se em sua experiência na área, lançou de forma pioneira na Irlanda a SEDA College Online, ferramenta que é gerida pela própria escola diretamente de sua sede na Europa. Qualquer pessoa pode entrar e usar a plataforma (não precisa ser aluno da instituição) e fazer o cadastro, sem custo algum.

Gratuita e de acesso livre, a plataforma possibilita a auto-organização dos estudos no ritmo do aluno e de acordo com o seu nível de proficiência no idioma, atendendo desde os níveis iniciantes até os mais avançados com cursos de Inglês e Espanhol. Além disso, também são oferecidos serviços como testes vocacionais e preparatórios para algumas áreas de atuação, como: processo de vendas, marketing, LinkedIn, time management e até mesmo, ciência da persuasão.

Plataforma gratuita

Tiago Mascarenhas, diretor da instituição, deixa claro as intenções dos educadores com o lançamento. “Nosso maior desafio é incentivar os alunos a tomarem conta da plataforma e conseguirem a inserir no seu dia a dia. Hoje o inglês é disparado a língua mais falada no planeta, portanto saber o idioma deixou de ser um diferencial para se tornar uma necessidade. Entendemos a carência do mercado e queremos levar a qualidade do nosso ensino para todos os lugares imagináveis.

A plataforma foi desenvolvida para inserir os alunos em um ambiente similar ao oferecido nas escola presenciais, com disponibilização de material didático e exercícios de apoio. Ao final de cada módulo ou curso, o aluno receberá um certificado online comprovando sua proficiência no material estudado e, num futuro próximo, ainda contará com lives entre professores e alunos, sorteios e diversos materiais exclusivos aos interessados.

Para quem tem interesse em experimentar a plataforma, basta acessar o site e se inscrever sedacollegeonline.com.

Compartilhar: