Skip to main content

SEDA College Online lança nova plataforma de ensino de inglês, veja as novidades!

Se aprender um idioma online é seu objetivo, então não deixe de conhecer a nova plataforma de ensino de inglês do SEDA College Online! A marca educacional inovou e lançou um programa que vai facilitar o aprendizado da língua inglesa, além de trazer novidades semanais. Confira!

A partir de agora, os estudantes serão membros da plataforma e terão acesso a todo o conteúdo produzido de forma ilimitada, podendo aproveitar tudo que é fornecido pelo SEDA College Online.


LEIA TAMBÉM: SEDA College Online lança curso gratuito de inglês em Libras

Atualmente, são mais de 30 cursos já disponíveis, como inglês para o nível iniciante, intermediário e avançado, curso de inglês para comissários de voo, dicas para o perfil no Linkedin, além de outros focados em gramática e preparação para testes, como o IELTS. Veja a lista completa aqui.

Além disso, novos cursos serão lançados toda semana, assim, oferecendo mais 20 opções até dezembro de 2018. Cursos como Life Coaching e Inglês para idosos estão entre as novidades.

 

 

Outro benefício de estudar pela plataforma é que ao final de qualquer curso o estudante recebe um certificado emitido pelo SEDA College Online.

Não quer perder a oportunidade de aprender com o SEDA College Online? Então aproveite a promoção de R$1,00 para o primeiro mês de acesso na plataforma, onde você poderá usufruir de todo o conteúdo. Não perca!

Após o primeiro mês de promoção, a mensalidade é de R$9,90. Há a opção de adquirir anualmente, por R$99,00. Estudantes pelo mundo todo podem ser membros e a conversão do valor em real para a sua moeda local dependerá do câmbio do dia.

Acesse wwww.sedacollegeonline.com agora mesmo e cadastre-se na plataforma de ensino de inglês!

Compartilhar:

SEDA College Online lança curso gratuito de inglês em Libras

Com o objetivo de levar o aprendizado do inglês para todos os públicos, o SEDA College Online lança um curso gratuito de inglês em Libras (Língua Brasileira de Sinais), voltado ao público iniciante no idioma.

Para a realização deste curso online tão importante, contamos com a parceria da Ophicina de Inovação, que desenvolveu a plataforma www.opensenses.com.br exclusiva para esse público em Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). A ferramenta sincroniza automaticamente os vídeos das aulas, do conteúdo traduzido para a Língua Brasileira de Sinais (Libras), e as legendas.

O curso Beginners em Libras tem duração de sete horas e é composto por quatro módulos, voltados a estudantes com nível básico do idioma. O curso auxiliará em localizações, orientações em aeroportos, linguagens de internet, entre outros contextos em que há necessidade do inglês.

Recentemente, a SEDA College, em Dublin, promoveu uma palestra com Eddie Redmond, CEO da Irish Deaf Society, que abordou a importância da linguagem de sinais, os aspectos dessa cultura e as recentes conquistas da comunidade surda da Irlanda, como ter a língua de sinais reconhecida pelo governo. Esse evento endossou a motivação em lançar o projeto, que já estava em desenvolvimento.

“Possibilitar ao deficiente auditivo o acesso aos primeiros passos no aprendizado do inglês significa romper barreiras, despertar novos interesses e construir uma ponte que irá conectá-lo com outras linguagens, ampliando o seu conhecimento de mundo”, ressalta o CEO do Grupo SEDA, Tiago Mascarenhas. O executivo afirma que a ideia é acompanhar o perfil dos usuários de Libras para levantar suas necessidades e, a partir disso, desenvolver novos conteúdos.


LEIA TAMBÉM: 7 razões importantes para aprender inglês agora!

É importante observar que esse programa permite apenas a prática do inglês por meio da leitura e da escrita. Para diálogo ou comunicação é necessário o aprendizado da American Sign Language (ASL).

Para ter acesso ao curso de inglês em Libras basta clicar no link abaixo:

Inscreva-se aqui!

Quer aprender inglês online? Então acesse agora a plataforma SEDA College Online!

Compartilhar:

Como aprender inglês com vídeos no Youtube

Desde a criação de diversas plataformas como, por exemplo, o Youtube, elas evoluíram para ter vários conteúdos úteis para o dia a dia. Um exemplo disso é aprender inglês assistindo a vídeos no Youtube. Centenas de vídeos são enviados diariamente para ajudar estrangeiros a aprender a língua de uma forma mais interativa e interessante.

A SEDA College não fica atrás, e no nosso canal do Youtube você pode encontrar vídeos de professores de nossa escola, onde eles explicam diferentes aspectos cotidianos, com os quais você pode reforçar seus conhecimentos em inglês.


LEIA TAMBÉM: Por trás das câmeras: vídeo mostra erros de gravação do SEDA College Online, confira!

Para ter acesso a mais vídeos como esses, basta acessar nosso canal no Youtube clicando aqui para conferir os vídeos da SEDA College Online. Não se esqueça de ativar as notificações para receber os novos vídeos publicados. Confira também nossa página no Facebook e no Instagram.

Quer aprender inglês online? Acesse agora o SEDA College Online!

Compartilhar:

Exemplos de homófonos em inglês

Os homófonos são palavras que soam igual a outra quando pronunciadas, mas que têm significados diferentes e diferentes. No inglês há muitas palavras assim. Isso geralmente é um erro muito comum na hora da escrita, e é aí que está a falta de prática e conhecimento no idioma. Aqui te mostramos alguns exemplos de homófonos!

To: usado no infinitivo de um verbo, como “andar”, e também significa “para”.

Two: este é um número

Too: isso significa “assim” ou “também”; por exemplo, “eu também”. Também é frequentemente usado para indicar que algo é demais.

Stationary: palavra que é usada para descrever algo que é imóvel (não se move)

Stationery: são as ferramentas utilizadas para escrever, por exemplo: lápis, canetas, cores

Leia também: As partes mais difíceis sobre aprender inglês

Compliment: isso é uma coisa boa que você diz a alguém para elogiá-los

Complement: isso significa que é algo que combina bem com outra coisa. A forma do adjetivo é “complementar”, isto é, coisas que andam juntas.

Know: “conhecer”, estar ciente de alguma coisa.

No: indica negação.

Raise: levante algo

Rays: raios de sol

Rase: apagar algo

Raze: derrubar alguma coisa

Réis: plural do Real (a moeda de Portugal e do Brasil)

Res: plural de re, como na escala musical (dó, re, mi ..)


LEIA TAMBÉM: 20 palavras diferentes entre o inglês britânico e o americano para comida

Rice: arroz

Rise: envio

Whole: completo

Hole: buraco

Quer aprender inglês online? Acesse agora o SEDA College Online!

Compartilhar:

As partes mais difíceis sobre aprender inglês

O fato de tantas pessoas falarem inglês e ser uma língua usada para muitas atividades, do turismo à escrita acadêmica, levou à crença comum de que é fácil aprender inglês. Mas não se engane. Nenhuma língua é realmente “fácil” de aprender, nem mesmo o inglês. Na verdade, todas as linguagens são igualmente complexas e qualquer aspecto simples de uma linguagem é sempre compensado com recursos mais desafiadores e menos intuitivos.

Se você quer falar, escrever, ler e entender inglês em um nível competente, você deve dominar os aspectos mais difíceis do idioma. Esses são cinco dos recursos mais difíceis na hora de aprender inglês, confira!

1. O sistema de ortografia

Um dos aspectos mais desafiadores da língua inglesa é seu sistema ortográfico, que é bastante irregular e imprevisível. Em vez de ter uma correspondência de um-para-um entre a palavra e o som, qualquer combinação de vogais, consoantes ou vogais e consoantes pode ser pronunciada de maneira diferente do que parece.

2. Tempos

Tentar entender como o tempo verbal funciona em inglês pode ser frustrante demais. Alguns deles são desafiadores porque têm várias exceções que dificultam o domínio completo.

Vamos dar o presente perfeito contínuo como um exemplo:

“Eu tenho viajado por dois meses.”

Em inglês, você usa o verbo modal “has been” e o gerundio (verbo mais “-ing”) para expressar a ideia de que já passou algum tempo desde que uma ação começou.

Embora isso possa soar como uma segunda natureza para um falante nativo de inglês, isso não é tão óbvio para os estrangeiros, especialmente para aqueles que falam idiomas que não expressam esse conceito com essa forma.


LEIA TAMBÉM: 7 razões importantes para aprender inglês agora!

3. Polissemia e contexto

Muitas vezes, esquecemos que as palavras são entidades complexas e multifacetadas com mais de um significado e / ou função. Isto é especialmente verdade no inglês, onde as palavras podem ter uma quantidade surpreendente de diferentes significados e funções dependendo de onde e como elas são usadas.

4. Os verbos compostos (phrasal verbs)

Uma das coisas que mais assusta quando você começa a aprender inglês são esses verbos estranhos de várias palavras conhecidos como “verbos compostos”. Existem tantos e são confusos.

Os verbos compostos são, para simplificar, uma combinação de uma palavra e um advérbio, um verbo e uma preposição, ou até mesmo uma palavra e um advérbio e uma proposição, que funcionam como um verbo de uma só palavra.

5. Vocabulário extenso

O tamanho do léxico inglês (isto é, o vocabulário total da língua) é enorme e está em constante crescimento. E existem muitas razões para isso.

O inglês, como muitas outras línguas, contém uma grande variedade de palavras emprestadas de outras línguas. Na maior parte, essas palavras vêm das línguas latina, grega e germânica. Além disso, o inglês atingiu o status de uma língua global, por isso está constantemente assimilando novas palavras de outras línguas, graças, em grande parte, ao surgimento da Internet.

Mas não tenha medo, apesar de aceitarmos que é difícil, a prática constante que você terá ao ouvir inglês todos os dias em seu intercâmbio irá ajudá-lo muito a se acostumar com eles, de modo que você o domine sem pensar.

Quer aprender inglês online? Então acesse agora o mesmo o SEDA College Online!

Compartilhar:

20 palavras diferentes entre o inglês britânico e o americano para comida

Como mencionamos em um post anterior, há algumas palavras que diferem entre o inglês americano e o britânico. Normalmente, nós aprendemos o inglês americano, e por isso algumas palavras, expressões e pronúncia do inglês britânico são novas. Portanto, aqui apresentamos 20 palavras diferentes entre o inglês britânico e o americano para se referir a alguns alimentos. Confira!

UK vs US

1) Dessert |Afters (informal) – sobremesa

Embora a palavra mais comum ainda seja ‘dessert’ para as duas nações, se você ouvir alguém pedindo um ”after” em um restaurante, não pense que deseja continuar a festa em outro lugar.

2) Aubergine | Eggplant – Berinjela

Pode acontecer que, se pedir uma ‘eggplant’, um ou outro europeu fique com a cara de “o quê”.


LEIA TAMBÉM: 45 palavras diferentes no inglês britânico e americano

3) Banger (informal) | Sausage – Salchicha

Outra palavra que é muito comum usar como ‘sausage’, no entanto, o original da Europa é banger.

4) Biscuit | Cookie – Biscoito

Isto é muito conhecido e de fato você o estudou em sala de aula. Se você for à América e pedir um biscuit, não se surpreenda se pegar um bolinho.

5) Candy floss | Cotton candy – Algodão Doce

Candy floss? Algodão doce é conhecido sob este nome no Reino Unido. O termo original é ‘Fairy Floss’ e ainda é usado em países como Nova Zelândia e Austrália.

6) Chips | French fries – Batata frita

Se você pedir ‘chips’ enquanto estiver andando pela Europa, elas lhe darão algumas ‘papas a la francesa’ e não algumas batatas fritas como são conhecidas na América.

7) Crisps | Chips – Chips de batata

Aqui está o que explicamos anteriormente. Se você quiser perguntar, por exemplo, para ‘Pringles’, você deve pedir por eles como ‘crisps’.

8) French Toast | Eggy bread (informal) – Rabanada

Exatamente o mesmo prato, mas com nomes diferentes. Em britânico, é um nome mais específico.

9) Fizzy drink | Soda – Refrigerante

Embora seja mais normal pedir um refrigerante pelo seu nome, do que Fizzy Drink, o mais comum é pedir é soda.

10) Lolly | Popsicle | Picolé

É comum confundi-lo ou chamá-lo de ‘ice cream’ se você não sabe o nome deles, no entanto, eles têm um nome e é melhor pedir por ele.

11) Jam | Jelly – Marmelada

Se você quiser encomendar marmelada, na Europa você pode obtê-lo sob o nome de jam, no entanto, existem alguns outros que são chamados de mermelade.

12) Jelly | Jell-o – Gelatina

Não é comum no Reino Unido usar jell-o para referir-se à gelatina, já que é uma marca e não o produto em geral.

13) Maize | Corn – Milho

Uma palavra simples, até semelhante ao espanhol, por exemplo.

14)  Prawns |Shrimps – Camarão

Se você tem dúvidas, é melhor apontar o que você quer, porque em alguns lugares da Europa eles até podem chamar shrimps para os camarões.

15) Scone | Biscuit – parecido com broinha

No Brasil, por exemplo, não é muito comum encontrar o Scone. Mas é simular com a broinha.

16) Starter | Appetizer – Aperitivo

Embora você também possa encontrar a palavra entreé, o uso mais comum no Reino Unido é o Starter, uma palavra fácil, já que pode ser traduzida como ‘começo’.

17) Sweet | Candies – Doces

Eu posso entender você com as duas palavras, mas se você quiser fazer isso corretamente na Europa, o ideal é dizer Sweet.

18) Tin | Can – Lata

Embora can pode ser usado nos dois continentes, no Reino Unido tin é mais comum.

19) Toastie | Grilled cheese – Sanduíche de queijo

Exatamente o mesmo, no entanto, no Reino Unido e na Irlanda, é conhecido como toastie.


LEIA TAMBÉM: 10 fatos curiosos que você não sabia sobre o Inglês

20) Toffee | Taffy – Puxa-puxa

A diferença entre estes, é que o caramelo é geralmente um doce um pouco mais suave do que o tradicional que já conhecemos. No entanto, na América, ambos são conhecidos por este mesmo nome.

Como você pode ver, algumas dessas diferenças são complexas e algumas são o que seus professores chamam de colocações.

Quer aprender inglês online? Acesse o SEDA College Online e comece já!

Compartilhar:

10 fatos curiosos que você não sabia sobre o Inglês

Você se lembra da palavra ‘supercalifragilisticexpialidocious’, do filme Mary Poppins?! Bem, esse é o primeiro dos fatos curiosos. Na verdade, é uma palavra registrada no idioma inglês, e significa algo como fantástico.

Em comparação com outras línguas, o inglês pode parecer simples, mas provavelmente porque a maioria das pessoas não percebem que ele é cheio de invenções mal-intencionadas, interpretações erradas, erros, palavras estranhas e palavras desnecessárias. Vejamos dez fatos curiosos sobre o idioma inglês!

1- ‘I am’

É a menor sentença completa do inglês.

2- Existem ‘pangrams’

“The quick brown fox jumps over the lazy dog”. Este é um exemplo de uma pangram, e isso significa que esse tipo de frase tem todas as letras do alfabeto.

3- Existem palavras fantasmas

Provavelmente você algumas vezes perguntou a seus professores o que tal palavra significava e nem eles sabiam o que significava, isso se deve às palavras fantasmas que existem no vocabulário.


LEIA TAMBÉM: 7 razões importantes para aprender inglês agora!

4- ‘I’

Como a frase mais completa, a palavra “eu” é a mais curta, mais usada e mais comum.

5-  ‘Girl’, palavra sem gênero

A palavra “menina” não foi inicialmente utilizada para se referir a um gênero específico. Significava “filho” ou “pessoa jovem” independentemente do sexo.

6- Sem nome

Não havia palavra para a cor ‘laranja’ em inglês até cerca de 450 anos atrás.

7- Shakespeare acrescentou mais de mil novas palavras para o idioma

É verdade! O famoso escritor inventou mais de 1700 palavras. Embora ninguém saiba exatamente quantas ele inventou, nós sabemos que foram suficientes. Muitas destas são palavras muito comuns hoje em dia, como ‘bubble’, ‘gloomy’, ‘lonely’ e ‘fashionable’.

8- Sem academia

O inglês é a única língua principal que não tem organização para orientá-la, ao contrário da francesa Académie française, da Real Academia Espanhola e do German Rat für deutsche Rechtschreibung. Essas organizações são responsáveis por controlar a evolução de seus respectivos idiomas em termos de uso, vocabulário e gramática, o inglês não tem absolutamente ninguém.

9- Novas palavras 

Provavelmente devido ao item acima, a cada duas horas mais palavras são adicionadas ao dicionário de inglês.

10- Goodbye

A palavra “adeus” vem originalmente de uma frase em inglês antigo que significa “Deus esteja com você”.

Aprenda inglês online com o SEDA College Online, acesse já!

Compartilhar:

Dicas fáceis para melhorar o inglês

Melhorar o inglês pode ser mais fácil do que você imagina. Passos pequenos podem te ajudar a desenvolver e evoluir o idioma. Separamos algumas dicas que podem ser seguidas de acordo com a sua necessidade. Veja abaixo e aproveite!

  • Tente falar em inglês com seus amigos, familiares, etc. Além disso, tente falar em inglês na frente do espelho. Isso aumentará sua confiança.
  • Faça  listas em inglês de itens que são usados ​​diariamente . Pode ser sua lista de compras, os legumes, frutas, roupas ou qualquer outra coisa.

  • Assista a canais de notícias em inglês, séries, filmes, etc. e tente entendê-los. Além disso, você presta atenção no jeito de falar, como pronunciam as palavras e depois tente falar da mesma maneira.
  • Leia revistas em inglês, jornais, etc. regularmente. A palavra que você achar difícil sublinhe e depois encontre seu significado no dicionário. Isso levará você a enriquecer seu vocabulário.

  • Participe de discussões em grupo, entrevistas, etc. Isso fará você ficar mais confiante.
  • Escreva um diário da sua rotina, em inglês. Primeiro de tudo, pense em inglês e escreva em inglês.
  • Tente escrever histórias sobre a importância do inglês.


LEIA TAMBÉM: 5 dicas pra aprender Inglês online

  • Faça algumas breves notas sobre a importância da língua inglesa.
  • Pratique pelo menos 5 minutos de inglês todos os dias. Escreva por 5 minutos e depois fale por mais 5 minutos em inglês.

Quer aprender inglês e se destacar? Então acesse o SEDA College Online agora! Curta nossa página no Facebook e aprenda com a gente!

Compartilhar:

7 razões importantes para aprender inglês agora!

O inglês hoje em dia é mais importante do que nunca. E pra te provar isso, veja 7 razões para você aprender inglês agora mesmo! Dê uma olhada abaixo:

Comunicação perfeita: Todos têm a capacidade de falar, mas quem está realmente comunicando? Aquele que fala de forma eficaz. As pessoas ficam impressionadas com aqueles que têm habilidades de comunicação perfeita e o inglês ajuda você nisso.

Personalidade efetiva: para uma personalidade impressionante e eficaz, o inglês desempenha um papel importante, pois compartilha seus pensamentos de uma determinada maneira e um bom conhecimento tornará sua personalidade mais atraente.


LEIA TAMBÉM: 15 dicas para aprender inglês sozinho

Para ser notado: existem várias pessoas no mundo que estão relacionadas à mesma profissão. Então, como você vai se destacar em seu campo? Aqui, um bom conhecimento de inglês com excelentes habilidades de comunicação pode torná-lo muito melhor e perceptível do que outros.

Obtenha confiança: se você tiver habilidades muito mais inteligentes do que outras pessoas, sua autoconfiança será alta e você obterá melhores resultados em cada campo. O conhecimento do inglês ajuda você nisso.

Alcance o objetivo com rapidez e inteligência: o inglês ajuda você a atingir seu objetivo de maneira rápida e inteligente, pois você já pesquisou várias maneiras antes, então escolheu o melhor caminho.

Parte da globalização: agora o mundo é global e o inglês também. Se você também quiser fazer parte dessa globalização, você deve ter uma abordagem eficiente para a linguagem. Assim, você pode interagir com todos.

Múltiplas opções de carreira: uma pessoa que tem a habilidades de comunicação eficaz em outro idioma, tem várias opções para escolher uma carreira diferente. Da mesma forma, poderia ser facilmente selecionado do que outros. Como eu disse, o inglês é usado quase em todos os campos. Portanto, um bom conhecimento de inglês oferece mais plataformas profissionais.

Quer aprender inglês e se destacar? Então acesse o SEDA College Online agora! Curta nossa página no Facebook e aprenda com a gente!

Compartilhar:

Oportunidades que você perde por não saber inglês

Estar na sua zona de conforto e não aprender o novo idioma faz com que você perca muitas coisas que o mundo exterior pode oferecer. Se você não acredita em nós, aqui estão alguns exemplos de oportunidades que você perde por não saber inglês!

1- TRABALHO

Não é suficiente saber os números ou alguma outra coisa. Em um trabalho que requer inglês como segunda língua, é imprescindível saber ouvir, escrever e falar de uma maneira compreensível. E se você é daqueles que pensam que nunca irá ao exterior para pedir um emprego e é por isso que acredita que não é importante aprender inglês, deixe-me dizer que não é nem necessário deixar o seu país.

Hoje em dia a globalização expandiu muitas empresas e elas têm como idioma principal o inglês. Também para conseguir um emprego on-line, mesmo que o português seja necessário como o primeiro idioma, é necessário ter o inglês para entender as indicações ou um ou outro comentário.

2- FAZER NOVOS AMIGOS

Plataformas como Facebook, Instagram e Twitter permitem que você se conecte com pessoas do mundo todo, incluindo quem fala inglês ou outras linguas, como franceses, italianos, alemães, entre outros. Que apesar de seu idioma nativo não ser inglês, a maioria deles o tem como segunda língua, então seria mais fácil se comunicar.


LEIA TAMBÉM: Como melhorar o inglês sem sair do país

Isso também se aplica a quando você viaja, que pode ter a grande oportunidade de fazer amigos para a vida, e até mesmo conexões que podem servir-lhe para um futuro, tanto para visitá-los como para conseguir um emprego.

 

3- OBTENHA BOLSAS DE ESTUDO

Fazer um curso no exterior, um mestrado, um segundo grau, um diploma ou o que você precisar, pode ser possível desde que você fale inglês. Algumas organizações em seu país e até mesmo em sua própria escola oferecem bolsas de estudos para preparar mais e melhor no exterior e isso definitivamente será um requisito indispensável.

Então, o que mais você está esperando, não perca mais oportunidades e comece a estudar inglês agora. Você pode começar em nossos cursos on-line SEDA College Online.

Compartilhar: