Skip to main content

As partes mais difíceis sobre aprender inglês

O fato de tantas pessoas falarem inglês e ser uma língua usada para muitas atividades, do turismo à escrita acadêmica, levou à crença comum de que é fácil aprender inglês. Mas não se engane. Nenhuma língua é realmente “fácil” de aprender, nem mesmo o inglês. Na verdade, todas as linguagens são igualmente complexas e qualquer aspecto simples de uma linguagem é sempre compensado com recursos mais desafiadores e menos intuitivos.

Se você quer falar, escrever, ler e entender inglês em um nível competente, você deve dominar os aspectos mais difíceis do idioma. Esses são cinco dos recursos mais difíceis na hora de aprender inglês, confira!

1. O sistema de ortografia

Um dos aspectos mais desafiadores da língua inglesa é seu sistema ortográfico, que é bastante irregular e imprevisível. Em vez de ter uma correspondência de um-para-um entre a palavra e o som, qualquer combinação de vogais, consoantes ou vogais e consoantes pode ser pronunciada de maneira diferente do que parece.

2. Tempos

Tentar entender como o tempo verbal funciona em inglês pode ser frustrante demais. Alguns deles são desafiadores porque têm várias exceções que dificultam o domínio completo.

Vamos dar o presente perfeito contínuo como um exemplo:

“Eu tenho viajado por dois meses.”

Em inglês, você usa o verbo modal “has been” e o gerundio (verbo mais “-ing”) para expressar a ideia de que já passou algum tempo desde que uma ação começou.

Embora isso possa soar como uma segunda natureza para um falante nativo de inglês, isso não é tão óbvio para os estrangeiros, especialmente para aqueles que falam idiomas que não expressam esse conceito com essa forma.


LEIA TAMBÉM: 7 razões importantes para aprender inglês agora!

3. Polissemia e contexto

Muitas vezes, esquecemos que as palavras são entidades complexas e multifacetadas com mais de um significado e / ou função. Isto é especialmente verdade no inglês, onde as palavras podem ter uma quantidade surpreendente de diferentes significados e funções dependendo de onde e como elas são usadas.

4. Os verbos compostos (phrasal verbs)

Uma das coisas que mais assusta quando você começa a aprender inglês são esses verbos estranhos de várias palavras conhecidos como “verbos compostos”. Existem tantos e são confusos.

Os verbos compostos são, para simplificar, uma combinação de uma palavra e um advérbio, um verbo e uma preposição, ou até mesmo uma palavra e um advérbio e uma proposição, que funcionam como um verbo de uma só palavra.

5. Vocabulário extenso

O tamanho do léxico inglês (isto é, o vocabulário total da língua) é enorme e está em constante crescimento. E existem muitas razões para isso.

O inglês, como muitas outras línguas, contém uma grande variedade de palavras emprestadas de outras línguas. Na maior parte, essas palavras vêm das línguas latina, grega e germânica. Além disso, o inglês atingiu o status de uma língua global, por isso está constantemente assimilando novas palavras de outras línguas, graças, em grande parte, ao surgimento da Internet.

Mas não tenha medo, apesar de aceitarmos que é difícil, a prática constante que você terá ao ouvir inglês todos os dias em seu intercâmbio irá ajudá-lo muito a se acostumar com eles, de modo que você o domine sem pensar.

Quer aprender inglês online? Então acesse agora o mesmo o SEDA College Online!

Compartilhar:

Responder